TMS Comunity Edition?

Olá Wagner,

Estive verificando os preços do conjunto de componentes TMS usados no curso, e é uma opinião minha, creio que vc como desenvolvedor e parceiro da TMS Components, poderia sugerir a TMS uma versão destes componentes para desenvolvedores CE, tipo o que a Embarcadero faz com o RAD Studio CE.
Um exemplo disto, é que pretendo adquirir o RAD Studio Profissional ano que vem, hoje o mesmo custa R$ 7.000,00 e não tenho renda para tal, mas ano que vem com os novos clientes que irão gerar mais recursos, terei a possibilidade certa de compra do RAD Studio Professional.
Como desenvolvedor autônomo (um exercito de um homem só, rsrs), é extremamente difícil absorver inicialmente os custos altos das ferramentas e componentes necessários para desenvolvimento de aplicativos profissionais para disputar o mercado com as software houses.
Por isso reafirmo que a TMS poderia, assim como a Embarcadero, disponibilizar componentes nos mesmo moldes do RAD Studio CE, para nós desenvolvedores autônomos possamos nos capitalizar e assim adquirir não só estes componentes, mas outros tantos componentes fantásticos da TMS.

A realidade dos desenvolvedores no Brasil, é muito diferente da dos Europeus e Americanos, creio que nisso todos nós concordamos.

Fica minha dica e quem sabe vc possa dar início a uma nova evolução comercial na TMS!

2 Curtidas

Olá @Alan_Claudio_Melo, é algo a se considerar pro futuro. Por enquanto dá pra usar a versão trial por bastante tempo, ela não é limitada em 30 dias nem em recursos técnicos como o RAD Studio CE, por isso não é uma comparação direta.

Aproveitando: por enquanto não temos nenhum “Thulio” cadastrado no nosso fórum. Mas esperamos que apareçam vários em breve! :wink:

3 Curtidas

Foi mal Wagner, é que olhei rapidamente sua resposta na lista de meus emails e peguei o nome que estava abaixo dela, rsrs.

Mas tá valendo.

Em relação ao TMS, é funcional para produção também? Lembro que vc diz em uma aula que ele não roda em produção, sendo assim, funcionaria somente para aprendizado e testes.

E é ai que o problema de recursos financeiro aparece, o investimento “JUSTO” nos componentes é alto, o que inviabiliza colocar em produção o projeto.

Estou muito animado com a continuidade do curso, mas, o problema é colocar em prática (produção) comercialmente.

Depois de um tempo ele vai dar mensagens indicando que a versão trial expirou. Mas pra desenvolver, colocar um protótipo, etc., é possível.

A escolha pelo TMS Business foi técnica. O objetivo da Nuvem Fiscal não é ser só um curso, mas na verdade ser um projeto real.

Pra isso ele tem que funcionar 100% em ambiente de produção, e pra isso também precisamos de uma framework 100% confiável, que não consuma memória, não trave, seja rápida, e que também tenhamos 100% de controle para que se houver algum bug, ou necessidade de alguma melhoria, tenhamos a liberdade de implementarmos o mais rápido possível.

3 Curtidas

Perfeito. Entendi que não era só um curso, mas um projeto com participação da comunidade criada através do curso.
Ficou claro pra mim os objetivos da idéia por trás do projeto.
Quando teremos continuidade do curso e do projeto da Nuvem Fiscal?

Sempre teremos continuidade! Hoje foi postada inclusive uma atualização com uma pequena melhoria no servidor: Fonte atualizado: configuração do ID do CSC.

Fique sempre ligado nos e-mails e no fórum que vamos avisando.

1 Curtida

Acho interessante mesmo a criação por parte da TMS de uma licença alternativa para nós que somos pequenos desenvolvedores autônomos ajudaria bastante até que conseguíssemos criar nossa estrutura fora do paradigma 100% desktop e portar tudo para uma forma mais flexível hibrida com a nuvem. @wlandgraf Nos permitiria vencer esse obstáculo com muito mais facilidade.

2 Curtidas