Uma discussão interessante sobre replicação de dados com TMS Echo

Publicado originalmente em: https://landgraf.dev/pt/discussao-sobre-replicacao-de-dados-com-tms-echo/

Esta é mais uma das muitas discussões interessantes que tivemos no TMS Business Masterclass em Düsseldorf. Uma delas foi a curiosa discussão sobre field de class ter o nome prefixado com “F” maiúsculo ou não.

Esta é um pouco mais técnica, mas não menos interessante. O assunto era sobre replicação de dados usando o TMS Echo, e a discussão era sobre como as alterações eram enviadas (movidas) e um ponto (nó) a outro.

A questão levantada foi sobre o “servidor” ou “controller” que estaria orquestrando toda essa “movimentação” dos dados alterados. Respondi que não existe um “servidor” (no sentido de que não é um orquestrador central, o sistema é distribuído e pode operar de forma independente de outros nós), somente para me contradizer minutos depois dizendo que é necessário um “servidor” (mas consegui – espero – explicar a contradição).

Uma discussão divertida e interessante, espero que goste e, depois de assistir o vídeo, deixou a questão pra você: há um servidor, ou não? Deixe seu comentário!

A propósito, o conteúdo completo do evento está disponível aqui: TMS Business Masterclass Online.